‘Vitalik Buterin está vendendo seus ETHs’ afirma analista

O perfil do Twitter conhecido como “CryptoKea” compartilhou dados que sugerem que o co-fundador do Ethereum, Vitalik Buterin, vendeu US$ 45.000 de seus ETHs e pode estar planejando vender mais.

ETH é a moeda nativa da plataforma de contratos inteligentes Ethereum e a segunda criptomoeda mais valiosa em termos de capitalização de mercado.

O ETH foi desenhado para ser o combustível da rede Ethereum. Assim, quando desenvolvedores criam aplicativos decentralizados na plataforma, todas as taxas de transação devem ser pagas em Ethereum.

Na semana passada, o ETH subiu 20% e, por estar cada vez mais próximo do lançamento da sua versão 2.0, analistas dizem que o ETH pode iniciar uma nova e longa tendência de alta.

Apesar do otimismo da comunidade, parece que o famoso co-fundador do Ethereum, Vitalik Buterin, está vendendo seus ETHs.

A venda foi identificada pelo analista conhecido como “CryptoKea”, que afirma que Vitalik vende suas participações em ETH de tempos em tempos e que envia seus fundos para diferentes endereços antes de vender:

“Estou rastreando carteiras de criptomoedas dos principais players do setor. Vitalik provavelmente acabou de converter 250 ETH em $45k DAI. Não é muito comparado às suas participações na ETH, mas o que é interessante é que ele recentemente continua espalhando quantias menores para novos endereços antes de serem vendidos.”

Segundo o analista, Vitalik vendeu seus ETHs pela criptomoeda estável DAI. 

DAI é uma criptomoeda estável que roda na rede Ethereum. Esse tipo de ativo digital tem seu valor atrelado a alguma moeda nacional, no caso da DAI a moeda é o dólar.

Vitalik é um dos maiores detentores de ETH e é praticamente o garoto propaganda da plataforma. A quantidade que foi vendida pelo prodígio das criptomoedas é quase insignificante se comparado com o total de seus ETHs.

Para membros da comunidade Ethereum, qualquer venda em massa de ETH que Vitalik fizer provocará um pânico e diluirá a confiança dos investidores em um projeto que é o líder em contratos inteligentes e aplicativos decentralizados.

Esta não é a primeira vez que Vitalik assusta a comunidade Ethereum. Em dezembro de 2019, especulou-se que ele planejava vender mais de US$ 25 milhões em ETH de acordo com três transações verificadas na rede.

Isso ocorreu depois que uma carteira que recebia fundos de uma conta associada à Vitalik desde 2016 enviou 90.000 ETH (US$ 11,5 milhões) para a exchange de criptomoedas Kraken.

Naquela época, a carteira possuia 300.000 ETH, ou US$ 25 milhões, conforme revelado pelo ViewBase.

Vitalik também já confirmou ter vendido ETH anteriormente.

Em uma entrevista no fim do ano passado, Vitalik revelou que, juntamente com a Ethereum Foundation, orquestrou a venda de aproximadamente US$ 100 milhões quando a ETH estava sendo negociada em uma alta histórica de US$ 1.400 em janeiro de 2018.

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 18,856.52
  • ethereumEthereum (ETH) $ 592.06
  • rippleXRP (XRP) $ 0.620142
  • tetherTether (USDT) $ 0.998826
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 88.14
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 291.83
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 13.74
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.157167
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 5.18
  • binancecoinBinance Coin (BNB) $ 30.16