Via Varejo, controadora das Casas Bahia e do Ponto Frio, anuncia compra de fintech cripto norte-americana

A Via Varejo, controladora das redes varejistas Casas Bahia e Ponto Frio, anunciou na última semana que adquiriu 100% das ações da fintech estadunidense Airfox, dona do app de pagamentos digitais BanQi, que era parceiro da empresa desde 2019. A informaçã é do ComputerWorld.

Segundo o texto, a Via Varejo já havia adquirido 80% das ações da BanQi desde o ano passado, junto à AirFox, criadora do app de pagamentos digitais.

Desde 2019, os usuários brasileiros das Casas Bahia e do Ponto Frio podiam usar o app para fazer depósitos, saques, pagamentos, transferências e recargas de celular dentro de unidades físicas da Casas Bahia, que atuavam como pontos de atendimento a clientes do BanQi.

Andre Calabro, diretor executivo da Via Varejo, diz no texto:

“No primeiro trimestre deste ano conquistamos um aumento de 100% na abertura de contas no banQi. Além da marca de 1 milhão de downloads do app, com 300% de aumento de pagamentos de boletos e 117% na inclusão de carnês pela ferramenta”

Com a aquisição completa, segundo a Via Varejo, os sistemas da empresa terão maior integração com o app e devem fazer parte de nova expansão da empresa, que na black friday de 2019 movimentou nada menos que R$ 1,1 bilhão em um dia.

Calabro também comenta que a pandemia de coronavírus acelerou a operação:

“Processo que foi acelerado durante o período de pandemia com o objetivo de fortalecer ainda mais a nossa operação digital por meio de investimentos em tecnologia, inteligência de dados e logística. Com esse serviço, a Via Varejo potencializa seu DNA de inclusão e se destaca no ambiente de inovação tecnológica aplicada aos serviços financeiros, e aprimora a experiência de compra dos mais de 60 milhões de clientes que já conhecem e confiam na empresa”

O anúncio também diz que a Via Varejo deve contar com um hub de inovação tecnológica em Boston, nos Estados Unidos, onde é sediada a Airfox.

A Airfox também é criadora de uma criptomoeda, o AirToken (AIR), que levantou US$ 15 milhões em sua ICO em outubro de 2017 e opera na blockchain Ethereum. A ideia do token é atuar como facilitador de empréstimos P2P para desbancarizados. O token não é listado em exchanges.

LEIA MAIS

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 19,205.20
  • ethereumEthereum (ETH) $ 596.29
  • rippleXRP (XRP) $ 0.688049
  • tetherTether (USDT) $ 0.996492
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 340.11
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 15.37
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 88.29
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.171751
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 5.61
  • binancecoinBinance Coin (BNB) $ 33.18