Promotor diz que acusados por esquema Ponzi devem permanecer presos apesar das preocupações com o COVID-19

Um promotor federal está contestando os pedidos de liberdade de dois supostos golpistas acusados de operar um esquema Ponzi relacionado à criptomoedas de US$ 722 milhões.