Ross Ulbricht faz 36 anos hoje. Será seu sétimo aniversário na prisão.

Ulbricht é o criminoso condenado que cumpre duas penas de prisão perpétua por seu papel na criação do Silk Road, o mercado de contrabando on-line notório por suas associações com criptomoedas. Ulbricht diz que a Silk Road foi inicialmente vista como um paraíso libertário, mas acabou indo para o lado:

“A Silk Road deveria dar às pessoas a liberdade de fazer suas próprias escolhas, de buscar sua própria felicidade, da maneira que elas considerassem individualmente. O que se transformou foi, em parte, uma maneira conveniente de as pessoas satisfazerem seus vícios de drogas. ”

Essa utopia do mercado livre durou cerca de dois anos desde a fundação feita por Ulbricht em 2011. Ele foi preso pelo FBI em outubro de 2013 e está sob custódia desde então. No julgamento, ele foi considerado culpado de lavagem de dinheiro, invasão de computadores e conspiração para traficar narcóticos. Sua dupla sentença de prisão perpétua não comporta uma liberdade condicional.

Desde a prisão e a sentença de Ulbricht, muitos dos maiores nomes da comunidade de criptomoedas se manifestaram em apoio a Ulbricht, sugerindo que o sistema jurídico o tratou com preconceito. O bilionário Tim Draper, maganata do capital de risco, tem expressado apoio a Ulbricht, e uma petição online à Casa Branca pedindo a libertação de Ulbricht reuniu sua 275.000ª assinatura nesta semana.

Deixe uma resposta