Região metropolitana de Hong Kong deve ser sede do lançamento do yuan digital da China

O yuan digital da China, também conhecido como pagamento eletrônico em moeda digital, ou projeto DCEP, será lançado para testes na Grande Baía de Hong Kong nas próximas semanas, noticiou a agência local Southern Daily em 12 de agosto.

A Área da Grande Baía, ou GBA, é uma região metropolitana que consiste em nove cidades, incluindo Guangzhou, Shenzhen, Hong Kong e Macau. Um importante centro financeiro e de tecnologia na Ásia, o GBA tem uma população combinada de mais de 69 milhões de pessoas e um PIB de cerca de US$ 1,5 trilhão.

He Xiaojun, diretor do Escritório de Administração de Supervisão Financeira Local da província de Guangdong, destacou que Guangdong desempenhará um grande papel na adoção internacional do DCEP. Ele também observou que a província será crucial na integração com Hong Kong em termos de banco virtual. Ele disse:

“Guangdong vai encorajar ainda mais a inovação, aprofundar a integração de negócios com Hong Kong e Macau na banca virtual e outros aspectos, quebrar barreiras de dados e inovar. O uso de cenários de moeda digital permite que a tecnologia financeira moderna sirva melhor a construção e desenvolvimento de todo o Área da Grande Baía. “

De acordo com o site oficial da GBA, Hong Kong é a “cidade mais aberta e internacional” da GBA e hospeda vários centros internacionais e comerciais. O site também observa que Hong Kong desempenha um papel importante no desenvolvimento do GBA enquanto “desfruta das vantagens duplas” da abordagem intergovernamental conhecida como “um país, dois sistemas”.

A notícia chega logo depois que o banco central da China teria concluído os estágios finais do teste beta do DCEP em Shenzhen na semana passada. Conforme relatado, a China quer transformar a área da Grande Baía em um próspero centro econômico, tendo o yuan digital como principal foco.

Os planos da China de lançar sua moeda digital do banco central, ou CBDC, em Hong Kong, surgem em meio aos protestos locais em andamento contra a lei de segurança nacional. Conforme noticiado pela Cointelegraph em julho, gigantes bancários globais como Credit Suisse, HSBC, Julius Baer e UBS estavam aparentemente examinando seus clientes em Hong Kong sobre possíveis laços com o movimento pró-democracia da cidade.

LEIA MAIS

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 13,561.76
  • ethereumEthereum (ETH) $ 384.13
  • tetherTether (USDT) $ 0.999282
  • rippleXRP (XRP) $ 0.238654
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 261.31
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 11.04
  • binancecoinBinance Coin (BNB) $ 28.34
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 4.15
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 54.31
  • bitcoin-cash-svBitcoin SV (BSV) $ 162.38