Real desvalorizado faz Apple e Microsoft valerem mais que o PIB do Brasil

Enquanto a valorização do dólar tem feito a alegria de usuários de Bitcoin e criptomoedas no Brasil a desvalorização da moeda nacional frente a divisa americana vem fazendo a economia nacional perder terreno internacionalmente.

Recentemente, sérias dúvidas de empreendedores com relação a uma recuperada na economia do Brasil fez o dólar chegar a R$ 5,93, maior valor já atingido pela moeda americana.

Empresários e investidores vem reclamando da condução do governo com relação ao avanço do coronavírus no país e as medidas para minimizar a crise econômica.

A desvalorização do real fez algumas empresas terem um valor de mercado maior que todo o Produto Interno Bruto (PIB) do país que é hoje a oitava economia do planeta.

Desta forma, empresas como Apple e Microsoft possuem, até 15 de maio, valor de mercado maior que o PIB do Brasil do ano passado.

Sim, é isso mesmo. As criadoras do Windows e iPhone valem mais do que o Produto Interno Bruto gerado no ano passado, da oitava maior economia do planeta.

Falência do Estado

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o PIB brasileiro em 2019 foi de R$ 7,3 trilhões.

Desta forma, no momento da escrita, o PIB do Brasil (que é a soma de todos os bens e serviços finais produzidos no país) fica na casa de US$ 1,24 trilhão

Enquanto isso, o valor de mercado da Microsoft é de cerca de US$ 1,349 trilhão na Nasdaq, fazendo da empresa US$ 109 bilhões “mais rica” que o Brasil.

Já no caso da Apple, avaliada em US$ 1,327 trilhão, a empresa vale US$ 87 bilhões a mais que o Brasil;

Sociólogos, filósofos e, principalmente, anarcocapitalistas alegam que isso representa a falência do Estado e demonstram que o arranjo da sociedade em torno de um Estado centralizado já não reflete mais os anseios da sociedade atual e muito menos de uma sociedade futura.

Dólar acima de R$ 6,30

No momento da escrita o dólar está sendo cotado a R$ 5,80 no Brasil enquanto o Bitcoin está sendo cotado acima de R$ 55 mil porém com desvalorização de cerca de 3%.

Contudo segundo economistas a tendência é que o dólar continue em alta no país e, com isso, ajude a “segurar” possíveis desvalorizações no BTC.

“Se não fosse pela ajuda do BC, o dólar teria batido 6 reais”, afirmou Pablo Spyer, diretor de operações da Mirae Asset.

Para Spyer, em declarações à revista Exame, é questão de dias para que o dólar chegue a R$ 6.

  1. “O real é a moeda com a maior volatilidade implícita do mundo. Aqui o dólar pode oscilar 30 centavos com facilidade e chegar aos 6,30 reais”, afirmou.

LEIA MAIS

 

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 55,034.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 2,158.21
  • binance-coinBinance Coin (BNB) $ 523.82
  • xrpXRP (XRP) $ 1.31
  • tetherTether (USDT) $ 0.991143
  • dogecoinDogecoin (DOGE) $ 0.361651
  • cardanoCardano (ADA) $ 1.18
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 33.85
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 907.56
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 249.31