Plataforma em Ethereum quer ‘acabar’ com juizes, instituir justiça descentralizada e foi premiada pela Comissão Europeia

A plataforma baseada em blockchain Kleros foi premiada pela Comissão Europeia durante o concurso “Blockchains for Social Good EIC”.

Assim, além do reconhecimento da União Européia, a startup deve receber mais de R$ 2 milhões em incentivo para o desenvolvimento da aplicação.

O anúncio dos premiados foi realizado nesta terça (30).

Comissão Europeia

Segundo a Comissão Européia, além da Kleros outras 5 plataformas foram premiadas pela instituição.

Assim, no total receberam cerca de 5 milhões de euros para aprimorar seus produtos baseados em blockchain.

“Os projetos vencedores apóiam a rastreabilidade e o comércio justo; inclusão financeira; economia circular descentralizada; transparência de processos públicos; participação na tomada de decisões democráticas; e gerenciamento de registros públicos”, destacou a Comissão Europeia.

Ainda segundo a Comissão os resultados deste prêmio são importantes para o desenvolvimento da Internet da próxima geração.

“que continua a explorar o potencial do Blockchain em novas áreas de aplicação, em particular para enfrentar os desafios locais e globais de sustentabilidade em relação aos ODS.”, finalizou.

Kleros

Fundada pelo argentino Federico Ast, a Kleros é uma plataforma de justiça descentralizada.

O sistema atua com resolução de disputas on-line de código aberto, usando blockchain para julgar de maneira justa.

Assim, segundo Ast nos sistemas antigos, várias pessoas eram responsáveis pelas decisões.

Porém com a Kleros a ideia é resolver disputas de forma rápida e sem usar juízes como nos tribunais tradicionais.

“Criamos uma plataforma que ajuda a resolver disputas legais menores de forma muito mais rápida, tornando os processos mais ágeis, seguros e acessíveis, e diminuindo a possibilidade de decisões incorretas”, disse.

Para isso a Kleros utiliza o conceito de inteligência coletiva para a criação de sistemas de justiça rápidos.

Funcionamento

Para utilizar a tecnologia, o cliente preenche um formulário simples, explicando sua questão legal.

A plataforma seleciona um júri de especialistas em desenvolvimento de sites para arbitrar a disputa.

“Especialistas podem se cadastrar na plataforma e receber dinheiro ao julgar cada processo. Mas quem tentar abusar do sistema ficará sem nada”, explica Ast.

Assim, segundo a Kleros o uso de Blockchain, Ethereum, garante que nenhuma parte possa adulterar as evidências nem manipular a seleção do júri e que as decisões são automaticamente aplicadas por contratos inteligentes.

Ainda segundo a empresa, o uso de incentivos criptoeconômicos resulta em um método de resolução de disputas radicalmente mais eficiente, que pode melhorar muito o acesso à justiça no contexto da era digital.

“O potencial de Kleros também inclui curadoria de conteúdo para aplicativos como detecção de notícias falsas e combate a incitação ao ódio on-line, além de aplicativos Oracle com potencial para garantir um grande número de contratos em seguros e finanças”, finaliza.

LEIA MAIS

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 46,116.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 1,456.04
  • binance-coinBinance Coin (BNB) $ 224.22
  • tetherTether (USDT) $ 0.995787
  • cardanoCardano (ADA) $ 1.05
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 30.51
  • xrpXRP (XRP) $ 0.416565
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 174.09
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 24.24
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 483.20