Nova opção de captação de recursos para projetos de criptomoedas está na Ásia e na Europa, diz PwC

A maior parte da captação de recursos no espaço de criptomoeda mudou das Américas para Europa, Oriente Médio e África (EMEA) e regiões da Ásia-Pacífico (APAC), de acordo com um relatório recente da PwC, empresa de auditoria Big Four.

De acordo com o 2º Global Crypto M&A e Relatório de Captação de Recursos da PwC, durante 2019, os esforços de captação de recursos no espaço cripto obtiveram 18% menos recursos, enquanto os fundos em fusões e aquisições (M&A) no espaço diminuíram 40%.

À medida que o financiamento diminuiu, a participação da APAC e da EMEA aumentou. Enquanto a APAC e a EMEA viram 44% do valor combinado de captação de recursos e negócios de fusões e aquisições em 2018, esse percentual cresceu para 51% em 2019.

No mesmo período, a participação das Américas no valor combinado de captação de recursos e operações de fusões e aquisições diminuiu de 55% para 48%.

Isso mostra que a diminuição no número de fundos no espaço cripto foi mais sentida nas Américas do que em outras regiões.

Captação de recursos e M&A por região, 2018 e 2019. Fonte: PwC 

Regiões da APAC e EMEA

A PwC espera que a mudança das Américas para as regiões mencionadas continue ao longo deste ano, declarando:

“2019 viu a APAC e a EMEA desempenharem um papel maior no espaço global de fusões e aquisições e criptomoeda. Esperamos que essa tendência continue em 2020. Em particular, esperamos ver mais atividades dos escritórios familiares da APAC e da EMEA, vendo a turbulência do mercado como um bom momento para entrar no mercado. ”

No geral, a PwC afirma que o setor de criptomoedas continuou amadurecendo em 2019, à medida que os fundos começaram a mudar para empresas de estágio posterior. Em 2018, 71% dos fundos foram arrecadados por empresas em estágio inicial, enquanto em 2019 as empresas em estágio inicial receberam 59% do total de fundos.

Captação de recursos de empresas cripto por estágio de desenvolvimento, 2018 e 2019. Fonte: PwC 

Financiamento para startups de criptomoeda seca

Como mostram os dados da PwC, não apenas o financiamento para as empresas cripto diminuiu, mas também os fundos destinados às startups em estágio inicial. Como o Cointelegraph relatou no final de 2019, depois que o financiamento no espaço atingiu um pico de US$ 5,5 bilhões em 2019, menos de US$ 3 bilhões foram para o ecossistema de criptomoeda em 2019.

O fundador e CEO do Twitter, Jack Dorsey – que também fundou a Square, empresa de pagamentos ‘amiga’ da criptomoeda – anunciou recentemente um programa de subsídios para os desenvolvedores de BTC, na tentativa de ajudar a melhorar o ecossistema.

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 62,706.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 2,433.51
  • binance-coinBinance Coin (BNB) $ 541.83
  • xrpXRP (XRP) $ 1.80
  • cardanoCardano (ADA) $ 1.45
  • tetherTether (USDT) $ 0.999149
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 42.17
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 280.21
  • uniswapUniswap (UNI) $ 35.39
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 40.31