Mercado Bitcoin transforma consórcio do Magazine Luiza em tokens que podem oferecer lucro de 8,9%

Um novo lote de tokens de consórcio será disponibilizado nesta quinta-feira (23) para os investidores da exchange Mercado Bitcoin. Dessa forma, será a segunda vez que a empresa “tokeniza” cotas de consórcios, que podem oferecer rentabilidade de até 8,9%.

O projeto chamado MBCONS02 permitirá a “tokenização” de cotas de consórcios no valor de R$ 591 mil. Além do consórcio do Magazine Luiza, a exchange brasileira criou o token a partir de cotas de consórcio das empresas Zema e Yamaha.

De acordo com o desenvolvedor de negócios, Lucas Pinsdorf, o token de consórcio do Mercado Bitcoin pode oferecer até 8.9% de lucro aos investidores. Com pagamento em até seis meses, o token de consórcio é considerado um investimento com retorno a curto prazo.

Mercado Bitcoin cria novo token de consórcio

O Mercado Bitcoin possui um projeto de “tokenização” que envolve cotas consórcio contempladas. Na primeira edição do token foram emitidos 816 mil unidades do token que representava uma cota da Caixa Consórcios.

Em apenas cinco meses, o token ofereceu 2,57% de lucro aos investidores com uma taxa anual de cerca de 9,25%, conforme noticiou o Cointelegraph. No total, o investimento do token da primeira rodada durou 102 dias.

Após a venda dos tokens em apenas dois dias, o Mercado Bitcoin lançou o segundo projeto de tokens de consórcio, o MBCONS02. Com previsão de liquidação em cinco meses, esse token pode oferecer 8,9% de rendimento anualizado, segundo Pinsdorf.

“A primeira oportunidade deste tipo que a gente colocou aqui na plataforma vendeu em menos de dois dias tudo que a gente tinha para vender para os clientes. E depois de 102 dias corridos eles tiveram um retorno anualizado de 9,3%.”


Token do Mercado Bitcoin será vendido nesta quinta (23)

Risco de investimento é “mitigado”

Em um vídeo divulgado no Facebook, o desenvolvedor de negócios do Mercado Bitcoin diz que os riscos de investimentos serão “mitigados” através da escolha de três administradoras de consórcio.

A exchange brasileira escolheu a empresa Luiza Consórcio, que pertence ao Magazine Luiza, além da Zema Consórcio que faz parte do conglomerado das lojas de eletrodomésticos Zema. Por fim, a Yamaha COnsórcio também aparece entre as empresas administradoras de consórcios que serão “tokenizados” pelo Mercado Bitcoin.

“Nesse tipo de oportunidade, quem geralmente paga essa conta é uma administradora de consórcio, que tipicamente no Brasil, está ligada a um conglomerado financeiro ou grande grupo de varejo. Então, o risco de não pagamento é mais mitigado.”

Os investidores que decidirem comprar o token de consórcio do Mercado Bitcoin podem começar com investimentos a partir de R$ 100. Em até seis meses os usuários podem resgatar o investimento, oferecendo um lucro estimado de até 8,9% anual através do token criado pela exchange.

Leia Mais:

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 48,801.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 1,653.53
  • tetherTether (USDT) $ 1.00
  • cardanoCardano (ADA) $ 1.13
  • binance-coinBinance Coin (BNB) $ 225.10
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 33.29
  • xrpXRP (XRP) $ 0.463157
  • uniswapUniswap (UNI) $ 28.64
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 181.67
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 28.05