Liga global de segurança cibernética é criada para combater ataques de ransomware em hospitais

Uma equipe de especialistas em segurança cibernética em 65 países se reuniu para combater ataques de ransomware a hospitais durante a crise do coronavírus.

Chamando a si mesmos de COVID-19 CTI League, a comunidade de especialistas visa proteger a infraestrutura tecnológica dos recursos médicos da linha de frente dos ataques cibernéticos.

Os hospitais de todo o mundo viram um grande aumento de ataques cibernéticos no ano passado, nos quais sistemas críticos de TI são criptografados com malware. Gangues exigem um resgate de Bitcoin em troca da chave de descriptografia. Os hospitais são frequentemente vistos como alvos fáceis, devido ao envelhecimento da infraestrutura de TI e a vontade de pagar devido à natureza crítica de seu trabalho.

O Cointelegraph informou em 30 de março que o Ryuk ransomware continua a atingir hospitais e prestadores de serviços de saúde com sede nos Estados Unidos.

Luta contra ataques cibernéticos durante a pandemia

O fundador do projeto, Ohad Zaidenberg, está baseado em Israel, enquanto outros membros da equipe de gerenciamento incluem Nate Warfield, Chris Mills e Marc Rogers, que estão sediados nos Estados Unidos.

Zaidenberg disse ao Cointelegraph que a Liga agora tem colaboradores em todo o mundo e que proteger os hospitais era uma necessidade crítica no momento:

“Desde o surgimento da crise do coronavírus, eu entendi que atacar o setor médico é um divisor de águas que pode causar a morte. Decidi criar uma comunidade de especialistas em segurança cibernética que desejam gastar seu tempo livre e usar suas habilidades para proteger o setor médico. Com meus amigos na equipe de gerenciamento, provamos o verdadeiro poder da comunidade infosec. Isso nos deu muito poder para continuar fazendo nosso trabalho – salvar uma vida.”

Criptomoedas e ataques de ransomware

No início deste mês, as empresas de segurança cibernética Emsisoft e Coveware também anunciaram uma iniciativa que oferece ferramentas gratuitas de descriptografia de ransomware e assistência a prestadores de serviços de saúde em caso de ataque.

O blog da empresa Emsisoft implorou às equipes responsáveis por ataques de ransomware que pensassem duas vezes antes de atacar as organizações de saúde.

“Não se engane, um ataque a uma organização de saúde terá resultados negativos e pode resultar em perda de vidas. Pedimos sua empatia e cooperação. Não atinja os prestadores de cuidados de saúde durante os próximos meses e, se você os atingir involuntariamente, forneça-lhes a chave de descriptografia sem nenhum custo o mais rápido possível. Estamos juntos nisso, certo? “

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 36,251.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 1,235.10
  • tetherTether (USDT) $ 0.997417
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 16.93
  • rippleXRP (XRP) $ 0.282910
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.375782
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 148.90
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 491.09
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 21.60
  • binancecoinBinance Coin (BNB) $ 44.75