Investidor faz transação de R$ 1,8 bilhão e envia 50.000 Bitcoins para carteira desconhecida

Uma transação de mais de R$ 1,8 bilhão em Bitcoin foi registrada nesta quinta-feira (9) por uma “baleia”, segundo o serviço de monitoramento “Whale Alert” divulgou no Twitter.

São quase 50.000 unidades de Bitcoin (BTC) transferidas entre duas carteiras digitais com endereços completamente desconhecidos no mercado.

São considerados como “baleias” no mercado, aqueles investidores que possuem uma notável quantidade de criptomoedas armazenadas.

A quantia é tão expressiva que esses usuários são capazes de impactar diretamente no preço da criptomoeda, apenas ao movimentar o saldo bilionário, como aconteceu com a baleia com quase 50.000 Bitcoins.

No total, as informações sobre a transação mostra que foram 49.342 unidades de Bitcoin transferidas. Considerando a cotação atual para a criptomoeda no Brasil, esse saldo corresponde precisamente a R$ 1.822.362,53.

Perfil monitora transações de Bitcoin

O perfil do Twitter que faz o alerta sobre a transação cita que o valor bilionário em Bitcoin foi repassado entre duas carteiras digitais desconhecidas.

O “Whale Alert” é conhecido por monitorar transações de “baleias”, consideradas atípicas no mercado.

Embora os endereços utilizados na transferência não sejam conhecidos, o “Whale Alert” explicou que o tipo de transação observado entre as carteiras é chamado de “change”.

Esse tipo de transação demonstra que parte do valor enviado em Bitcoin deve retornar para o endereço de origem ou para um novo endereço declarado.

Além disso, quando essa transação acontece a quantia em criptomoeda naquele endereço deve ser operada em sua totalidade. Ou ainda, pode ser apenas uma troca de endereços para o valor bilionário, conforme explica um usuário no Twitter.

“Parece que os BTC estão sendo trocados por diferentes contas. Pode ser algum recurso de segurança, de modo que um hacker precisaria invadir várias contas.”

Na maiorias das vezes a  transação “change” pode acontecer para evitar o gasto duplo, a cobrança de altas taxas e até mesmo trazer mais segurança para o investidor, como é o caso da transferência de quase 50,000 unidades de Bitcoin.

‘Baleias’ estão movimentando mais criptomoedas

O mercado acompanhou um aumento do fluxo de transações de baleias nas últimas semanas. Conforme noticiou o Cointelegraph recentemente, várias “baleias” movimentaram mais de 15 mil unidades de Bitcoin entre exchanges, ainda no final de março de 2019.

Além dessas baleias com operações voltadas para corretoras de criptomoedas, outras movimentações chamaram a atenção do mercado nas últimas horas. Na publicação do Whale Alert sobre a transferência de 50.000 (BTC) um usuário explica que presenciou seis transações do tipo nos últimos dois dias.

“Eu tenho visto seis dessas transações nas últimas 48 horas. Tudo em volta do mesmo valor, sobre 49,599 BTC.”

Transações com milhares de unidades de Bitcoin continuam a ser registradas nesta quinta (9), mesmo após a transferência desconhecida de quase 50.000 (BTC).

Outras duas dessas transações, com cerca de 1.500 (BTC), foram publicadas pelo “Whale Alert”, sendo que uma delas foi de uma carteira desconhecida para a Binance.

LEIA MAIS:

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 12,186.04
  • ethereumEthereum (ETH) $ 374.41
  • tetherTether (USDT) $ 1.00
  • rippleXRP (XRP) $ 0.247184
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 247.39
  • binancecoinBinance Coin (BNB) $ 29.25
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 10.26
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 3.97
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.104066
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 48.47