Exchange Walltime prepara lançamento de plataforma semidescentralizada no Brasil

A exchange brasileira Walltime divulgou nesta quarta-feira em sua página no Facebook que está desenvolvendo uma plataforma de negociação de Bitcoins semidescentralizada, conectando contas bancárias e carteiras de Bitcoin.

A ideia da Walltime é que os clientes possam realizar trocas de criptomoedas por reais sem a necessidade de custódia pela exchange.

Por telefone, o fundador da exchange, Felipe Mica, disse que a iniciativa ainda deve levar alguns meses para a implementação e que a ideia é que gradativamente a Walltime passe toda a custódia de Bitcoins aos usuários, garantindo mais segurança para o armazenamento das criptomoedas:

“A gente viu que em 2019 teve muita gente que perdeu Bitcoin confiando a custódia em empresas, perdendo muito dinheiro. A gente buscou uma solução pra isso, que seria a Walltime Zero, com um conceito de que você não precisa ter a custódia das criptomoedas. A empresa vai observar a blockchain, quando acontecer uma transação validada, a exchange vai converter a transação em real. Ela é semidescentralizada porquê a exchange faz essa ponte entre a carteira de Bitcoin e o banco”

Ele disse, também, que apesar do mês de março ter começado com alto volume de transações, nas últimas semanas a exchange teve queda brusca de transações, evidenciando uma crise, segundo ele, sistêmica:

“Até o dia 20 de março o movimento estava bem alto, mas ultimamente caiu drásticamente. Eu acho que essa crise é sistêmica, eu não acredito quando falam que aumentou a procura, conversando com outras exchanges, sei que isso não é verdade. Essa crise vai afetar todo mundo, mas o Bitcoin é uma solução para o longo prazo. Acho que com todo esse dinheiro injetado na economia, teremos inflação, e isso também vai ser muito bom para o Bitcoin”.

Por operar com esquema de trabalho em home office, a Walltime diz que seu expediente e serviços não foram afetados pelos efeitos da pandemia do coronavírus no Brasil.

LEIA MAIS: Campanha beneficente entre usuários de Bitcoin no Brasil arrecada R$ 12.000 para medalhista paralímpica do país
LEIA MAIS: Qual a melhor exchange para comprar Bitcoin e criptomoedas no Brasil?

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 18,980.77
  • ethereumEthereum (ETH) $ 590.75
  • rippleXRP (XRP) $ 0.599692
  • tetherTether (USDT) $ 1.00
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 84.89
  • bitcoin-cashBitcoin Cash (BCH) $ 288.61
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 13.41
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 5.20
  • cardanoCardano (ADA) $ 0.156044
  • binancecoinBinance Coin (BNB) $ 29.65