As tentativas da Ernest & Young (EY) de promover transações seguras e privadas sobre blockchains públicas a custos mais baratos culminaram no lançamento da Nightfall 3.

A empresa anunciou a notícia por meio de um lançamento em 1 de julho, afirmando que a Nightfall 3 combina provas de conhecimento zero com rollups otimistas – zk-Optimistic Rollups – para melhorar a eficiência das transações no Ethereum.

Na verdade, zk-Rollups são uma das soluções de escalabilidade de sgunda camada que estão sendo desenvolvidas para alcançar escalabilidade para redes como Ethereum, usando um processo de transferências em lote “enroladas” em uma transação.

A primeira contribuição da EY para as provas ZK foi em abril de 2019, anteriormente reportado pelo Cointelegraph na época. Nesta nova iteração, a equipe da EY disse que a Nightfall 3 é uma coleção de ferramentas para gerenciamento privado de transações Ethereum.

A Nightfall 3 supostamente prova com conhecimento zero as transações em rollups otimistas, removendo a necessidade de todos os nós de autenticação verificarem a validade das transações.

Os nós que desafiam blocos inválidos receberão recompensas, garantindo assim que apenas transações válidas sejam adicionadas à blockchain. De acordo com a equipe da EY, a Nightfall 3 representa uma melhoria significativa na eficiência das transações e na redução da taxa de gás.

Detalhando as melhorias na solução zk-Rollups, o líder global de blockchain da EY, Paul Brody, observou que o protocolo oferecia o melhor equilíbrio entre eficiência matemática e segurança para transações privadas na rede Ethereum.

De acordo com o anúncio, a solução zk-Optimistic Rollups da Nightfall 3 pode oferecer quase 90% de redução na taxa de gás em comparação com as transferências de token ERC-20 públicas.

Ao publicar a Nightfall 3 para o domínio público, Brody afirmou no anúncio que a EY estava fazendo sua parte para acelerar a adoção corporativa da tecnologia.

Relacionado: A gigante da auditoria Ernst & Young lança atualizações para dois produtos relacionados a blockchain

Com a Ethereum 2.0 ainda em desenvolvimento, as soluções de segunda camada, como provas ZK e rollups otimistas, continuam a ser promovidas como alternativas de curto prazo para aumentar o rendimento da rede da Ethereum.

As provas ZK não são o único trabalho exploratório da EY na tecnologia blockchain. Na verdade, a empresa publicou anteriormente uma ferramenta de análise de blockchain. A gigante da auditoria lançou uma versão beta do analisador de contrato inteligente em abril de 2019.

VEJA MAIS:

Desde 2019, não aparece uma janela de compra tão clara. Negocie mais de 400 pares de criptomoedas com 0% de taxa até 8 de Julho na OKEx.

Compre o mergulho agora na OKEx!

Artigo

Leave a Reply