Companheiro de Neymar, Mbappé é usado em golpe que promete deixar investidores milionários com Bitcoin

A imagem do jogador de futebol Kylian Mbappé está sendo usada em um golpe milionário com Bitcoin.

A fraude que usa o nome do craque do PSG é espalhada na internet, prometendo uma riqueza inimaginável aos usuários que investirem no esquema com criptomoedas.

Considerado um dos maiores jogadores do mundo, o francês denunciou recentemente a fraude com Bitcoin que utiliza seu nome de forma indevida.

Além da imagem do craque estampada em propagandas relacionadas ao esquema, falsas entrevistas também foram publicadas em nome do jogador francês.

Celebridades como Mbappé são consideradas “iscas” para golpes que pretendem atrair vítimas na internet.

Ao usar indevidamente o nome de famosos como Mbappé, empresas consideradas fraudulentas conseguem expressar uma falsa legitimidade do negócio para as vítimas.

Jogador usado em golpe com Bitcoin divide time com Neymar

O passe de Mbappé é avaliado atualmente em cerca de R$ 1,38 bilhão, sendo ele considerado um dos jogadores mais valiosos do mercado.

O futebolista divide o campo com o brasileiro Neymar, que também atua no Paris Saint Germain (PSG).

A fraude com o nome do futebolista francês promete tornar qualquer investidor milionário em apenas três ou quatro meses.

Além disso, o esquema diz que os investimentos são recomendados por Mbappé, que contesta a empresa e denuncia o negócio.

A denúncia sobre o caso mostra que existe um grupo de call centers especializado no golpe com Bitcoin que utiliza o nome do craque do PSG.

Além dessa equipe especializada em enganar as vítimas, o esquema divulgava falsas entrevistas de Mbappé.

Nessas entrevistas, o jogador aparece recomendando investimentos na empresa por trás do golpe que pode ter feito centenas de vítimas na França, onde o futebolista é considerado uma celebridade.

Nome de atletas são usados em fraudes com criptomoedas

Mbappé não é o único atleta que teve o nome envolvido de forma enganosa em um golpe com criptomoedas. Além do jogador, outras estrelas foram usadas em fraudes desse tipo.

As vítimas são atraídas pela imagem de “celebridades do campo” como Mbappé. Além dele, Cristiano Ronaldo é outro jogador que teve o nome incluído em um esquema criminoso com Bitcoin.

No caso de Cristiano Ronaldo, o golpe dizia que o craque investiu R$ 232 milhões em uma suposta empresa de criptomoedas. A notícia falsa servia para atrair vítimas para a plataforma que usou indevidamente o nome do jogador português.

Outro famoso que teve o nome citado em uma farsa com criptomoedas é Luís Figo. No caso desse jogador, o esquema dizia que ele ficou “rico” ao investir R$ 27 milhões em Bitcoin.

Assim como Mbappé, outros futebolistas tiveram a imagem associada a farsas no mercado de criptomoedas. Golpes desse tipo roubaram em 2018 mais de R$ 317 milhões somente na Europa, de acordo com levantamento da Autoridade de Mercados Financeiros.

Com a denúncia de Mbappé, pode ser que menos vítimas sejam enganadas. Em 2019, a conta do jogador foi invadida no Twitter, onde outra farsa com Bitcoin estava sendo divulgada por hackers que tomaram o controle do perfil nas redes sociais.

LEIA MAIS: Investigada por estelionato, suposta pirâmide E-bit FX é condenada na Justiça
LEIA MAIS: No Brasil, líderes de esquema bilionário com Bitcoin fogem da polícia e clientes denunciam: ‘Quadrilha’

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 40,592.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 2,595.43
  • tetherTether (USDT) $ 1.00
  • binance-coinBinance Coin (BNB) $ 373.65
  • cardanoCardano (ADA) $ 1.57
  • dogecoinDogecoin (DOGE) $ 0.327408
  • xrpXRP (XRP) $ 0.888087
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 25.29
  • usd-coinUSD Coin (USDC) $ 1.00
  • uniswapUniswap (UNI) $ 24.29