Bitcoin no Brasil é impactado por disparo recente no dólar

O Dólar disparou, nesta segunda-feira, devido às incertezas que estão permeando o cenário internacional.

Assim, a cotação voltou a se aproximar do patamar mais elevado do mês de julho, no qual bateu os R$ 5,40. Por enquanto, ainda não é possível afirmar que o Dólar vai escalar, de forma mais significativa.

Contudo, a cotação da moeda é extremamente dependente do sucesso ou fracasso da comunidade internacional no combate ao COVID-19.

Nesse caso, é importante ficar ligado no que acontece nos EUA. Isso porque, no momento atual de instabilidade, qualquer evento sanitário, político ou econômico é capaz de afetar a cotação da moeda norte-americana.

USD nas últimas 24 horas

Dólar dispara devido ao cenário instável nos EUA

No gráfico, está apresentada a cotação do Dólar, na comparação com o Real. Assim, nas últimas 24 horas, a valorização foi de aproximadamente 3,21%. No momento, o Dólar está cotado a R$ 5,32.

A alta chama a atenção dos investidores, já que a moeda estava na casa dos R$ 5,21, há poucos dias. Além disso, a moeda chegou a cair para R$ 5,11, na semana passada.

Na Europa, os indicadores econômicos indicam uma retomada alinhada com as expectativas do mercado. O PMI Industrial de julho é de 51,8, enquanto o esperado era de 51,1.

Vale ressaltar que o índice demonstra a recuperação da capacidade industrial dos países; acima de 50, ela é positiva, enquanto um valor abaixo de 50 indica retração.

Por isso,  a principal razão para a valorização do Dólar está no cenário interno americano. Para começar, o PMI Industrial do mês passado, nos EUA, é de 50,9, frente a uma expectativa de 51,3.

No mais, os casos de COVID-19 estão aumentando, em alguns estados norte-americanos. Finalmente, o Congresso dos EUA está num impasse, quanto à aprovação de um pacote de estímulo de US$ 1 trilhão para a economia do país.

Analista aponta que Bitcoin pode valorizar 250% em breve
Bitcoin – Dólar

Bitcoin se beneficia da cotação elevada do Dólar no Brasil

O Bitcoin está valendo R$ 60.679,50, atualmente.

O número impressiona, já que a máxima histórica do Bitcoin, em Reais, foi de R$ 69.700, em 18 de dezembro de 2017. Naquela época, esse valor correspondia a aproximadamente US$ 20.000,00.

Porém, caso o Bitcoin alcançasse os US$ 20.000,00 novamente, na cotação atual, o valor seria equivalente a R$ 106.268,00. A diferença é gritante, apesar de refletir a disparada no preço do Dólar, em 2020.

Por essa razão, os investidores brasileiros acabam se beneficiando do Dólar mais caro. Naturalmente, isso é válido apenas quando se leva em conta o custo de vida médio, no Brasil.

Em contrapartida, alguns bens, como os automóveis e os eletrônicos, ficam mais caros sempre que o Dólar aumenta.

Leia também: Bitcoin atingirá alta histórica se vencer resistência, afirma Tone Vays

Leia também: Mineração de Bitcoin é 7% mais lucrativa em julho

Leia também: Será que o Bitcoin subiu demais? Conheça o Z-Score

Artigo

Leave a Comment

  • bitcoinBitcoin (BTC) $ 47,550.00
  • ethereumEthereum (ETH) $ 1,490.34
  • cardanoCardano (ADA) $ 1.26
  • binance-coinBinance Coin (BNB) $ 231.14
  • tetherTether (USDT) $ 1.01
  • polkadotPolkadot (DOT) $ 33.76
  • xrpXRP (XRP) $ 0.442621
  • litecoinLitecoin (LTC) $ 180.24
  • chainlinkChainlink (LINK) $ 25.92
  • stellarStellar (XLM) $ 0.416626